Hillary Clinton critica Trump por querer reduzir diplomacia nos EUA

Washington, 31 Mar 2017 (AFP) - A ex-secretária de Estado e candidata presidencial Hillary Clinton criticou nesta sexta-feira o presidente Donald Trump por sua proposta de redução do orçamento para a diplomacia dos Estados Unidos.

"Alguns dos sinais enviados são inquietantes", declarou Hillary Clinton, diante de dezenas de estudantes da universidade de Georgetown em Washington.

"As propostas de redução (do orçamento) desse governo em saúde, desenvolvimento internacional e diplomacia seriam um grande erro para o nosso país", disse Clinton, que comandou a diplomacia americana entre 2009 e 2013.

Trump quer cortar 28% do orçamento, mas o Congresso terá a palavra final.

A democrata afirmou que os refugiados não são "apenas problema dos outros", referindo-se à política anti-imigração do presidente.

"Peço a este governo que mantenha sua liderança para promover a paz no mundo, porque o mundo continuará com ou sem o envolvimento dos Estados Unidos", declarou Clinton ao entregar um prêmio em seu nome a quatro colombianos que participaram do recente acordo de paz com as FARC.

Após sua derrota nas eleições, Hillary Clinton continuou aparecendo esporadicamente na vida pública. "Não há outro lugar onde eu queria estar, além da Casa Branca", disse antes de criticar a ausência de mais figuras femininas no gabinete de Trump.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos