Epidemia de meningite na Nigéria deixa mais de 320 mortos em cinco meses

Abuja, 1 Abr 2017 (AFP) - Um total de 328 pessoas morreram nos últimos cinco meses devido a uma epidemia de meningite que atinge 16 estados da Nigéria, anunciou neste sábado o Ministério da Saúde do país.

"O número de pessoas afetadas se eleva a 2.524, das quais 328 morreram", informa um comunicado do ministério divulgado na madrugada de hoje. São afetados 90 distritos de 16 estados.

As epidemias de meningite não são incomuns na Nigéria, que se situa no "cinturão da meningite" (do Senegal à Etiópia). Mas testes de laboratório confirmaram que a doença atual é de um novo tipo (cepa C), declarado como epidemia no país pela primeira vez.

As crianças de 5 a 14 anos são as mais afetadas, e representam metade dos casos registrados, informou em março a Organização Mundial de Saúde (OMS), que lançou uma ampla campanha de vacinação no país.

Mais de 13,7 mil pessoas foram infectadas e mais de 1,1 mil morreram em uma epidemia semelhante na Nigéria e no vizinho Níger em 2015.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos