TSE inicia julgamento que pode invalidar chapa Dilma-Temer

Brasília, 4 Abr 2017 (AFP) - O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) brasileiro iniciou nesta terça-feira o julgamento que poderá interromper a presidência de Michel Temer por financiamento ilegal da campanha da chapa que formada com a ex-presidente Dilma Rousseff em 2014.

O voto final deverá ser conhecido na quinta-feira caso a corte rejeite os pedidos de adiamento. Mas no caso da decisão de impugnar a presidência de Temer, o presidente deverá apresentar recursos para tentar acabar o atual mandato e 1o. de janeiro de 2019.

bur-js/val/cn

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos