Rússia suspende acordo com EUA sobre a prevenção de incidentes aéreos na Síria

Moscou, 7 Abr 2017 (AFP) - A Rússia anunciou nesta sexta-feira a suspensão do acordo assinado com Washington para impedir incidentes entre aviões dos dois países na Síria, após os bombardeios americanos a uma base da Força Aérea síria na província de Homs.

"A parte russa suspende o memorando com os Estados Unidos sobre a prevenção dos incidentes e a segurança dos voos durante as operações na Síria realizadas pelas aviações russa e americana", afirmou a porta-voz do ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, em um comunicado.

Rússia e Estados Unidos assinaram o protocolo de acordo - com regras e restrições para impedir incidentes entre aviões dos dois países no espaço aéreo sírio - em outubro de 2015, poucas semanas depois do início da intervenção russa na Síria em apoio ao regime sírio.

Os aviões russos e americanos realizam ataques contra o grupo extremista Estado Islâmico (EI) na Síria.

O acordo recomendava o uso comum de algumas frequências de rádio e aconselhava a criação de uma linha de comunicação terrestre adicional.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos