Noruega sobe alerta após prisão de russos suspeito de colocar explosivos

Oslo, 9 Abr 2017 (AFP) - Os serviços de segurança noruegueses subiram neste domingo o nível de alerta do país depois de prender um russo de 17 anos acusado de colocar um artefato explosivo no centro de Oslo.

Os serviços de segurança interior (PST) subiram o alerta para "provável", de um nível anterior de "possível", devido a um risco de contágio, após os ataques ocorridos em França, Reino Unido, Alemanha e Rússia, e do ataque na sexta-feira em Estocolmo.

Este nível de alerta estará em vigor por dois meses.

"Não está claro se o jovem de 17 anos teve a intenção de cometer um ataque terrorista", declarou a diretora do PST, Benedicte Bjørnland, em uma coletiva de imprensa.

Os agentes encontraram o artefato no bairro de Grønland, uma área muito movimentada da capital norueguesa, onde os bares e restaurantes foram evacuados.

A advogada do acusado, Aase Karine Sigmond, negou as acusações e as informações publicadas pelos meios de comunicação de que o jovem simpatiza com o grupo jihadista Estado Islâmico.

O incidente ocorreu um dia e meio depois de um ataque que deixou quatro mortos e 15 feridos no centro de Estocolmo, na vizinha Suécia.

phy/gm/jvb-an/me/ma

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos