Coreia do Norte teria fracassado em nova tentativa de lançar um míssil

Seul, 16 Abr 2017 (AFP) - A Coreia do Norte tentou sem sucesso lançar um novo míssil, informou na noite deste sábado (manhã de domingo pelo horário local) o Ministério da Defesa da Coreia do Sul.

"A Coreia do Norte tentou testar um novo tipo de míssil não identificado na área de Simpo, na província de Hamkyong do Sul, mas suspeitamos que o lançamento fracassou", disse o Ministério em comunicado, acrescentando que o teste está sendo analisado mais detalhadamente.

O Departamento de Defesa dos Estados Unidos confirmou neste sábado que a Coreia do Norte lançou o que parecia ser um míssil e também disse que o lançamento falhou "quase que imediatamente".

"O Comando do Pacífico dos EUA detectou e rastreou o que consideramos que era um míssil norte-coreano lançado às 11:21 AM hora do Havaí (21H21 GMT) de 15 de abril", informou um porta-voz do Comando, Dave Benham.

"O lançamento do míssil balístico ocorreu perto de Sinpo (província de Hamkyong do Sul). O míssil caiu quase que imediatamente", acrescentou.

"O Comando do Pacífico dos EUA está plenamente comprometido em trabalhar estreitamente com nossos aliados na República da Coreia (do Sul) e no Japão para manter a segurança", disse.

Um funcionário do governo americano afirmou que o presidente Donald Trump "foi informado" sobre o lançamento.

O lançamento fracassado acontece um dia depois de a Coreia Norte exibir cerca de 60 mísseis - incluindo o que é suspeito de ser um novo míssil balístico intercontinental - no grande desfile militar que celebrou o 105º aniversário do fundador do país, Kim Il-Sung.

As ambições atômicas de Pyongyang têm concentrado, nas últimas semanas, grande parte das atenções do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que promete uma postura dura contra o país e ameaça uma ação unilateral se a China não ajudar a reduzir o programa nuclear de seu vizinho.

Com o aumento das hostilidades na região, Trump enviou um grupo de ataque de porta-aviões à península coreana, enquanto a Coreia Norte lançou foguetes.

Pyongyang já organizou cinco testes nucleares, dois deles no ano passado, e a análise de imagens de satélite sugere que o país pode estar se preparando para um sexto.

Funcionários da inteligência americana alertaram que a Coreia do Norte pode levar menos de dois anos para alcançar a capacidade de atacar os Estados Unidos em seu território.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos