'Mais de 50' soldados afegãos mortos em ataque talibã contra base

Cabul, 21 Abr 2017 (AFP) - "Mais de 50 soldados afegãos foram mortos" no ataque de sua base pelos talibãs nesta sexta-feira perto da grande cidade do norte Mazar-è-Sharif, indicou à AFP um porta-voz do exército americano em Cabul.

O ataque, que durou várias horas e foi reivindicado pelos insurgentes, terminou no início da noite, de acordo com este porta-voz, que não quis se identificar.

"No total, dez agressores conduziram este ataque, sete deles foram abatidos, dois se imolaram e um foi detido pelas forças afegãs", explicou o porta-voz do Ministério da Defesa afegão, Dawlat Waziri.

Anteriormente, Waziri havia dito que os rebeldes estavam vestindo "uniformes".

Em um comunicado, o general americano John Nicholson, que lidera a operação da Otan Resolute Support, disse que o ataque ocorreu "enquanto os homens oravam ou estavam na cantina" da base, que pertence ao 209º regimento do exército afegão, perto de Mazar.

O general saudou "os comandos afegãos que puseram fim a estas atrocidades".

Trata-se do pior ataque contra as forças afegãs desde o ocorrido no início de março contra o principal hospital militar do Afeganistão, em Cabul, que deixou oficialmente ao menos 50 mortos, e possivelmente o dobro desse número.

Os talibãs reivindicaram esta nova operação em um comunicado.

"Às 14H00 (06H30 de Brasília) nossos combatentes lançaram um ataque complexo contra o corpo do exército baseado em Mazar-è-Sharif, na província de Balj, matando dezenas de soldados", disse o porta-voz Zabihullah Muyahib.

ach/mct/jz-jvb/db

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos