American Airline investiga incidente entre auxiliar de voo e passageira

Washington, 23 Abr 2017 (AFP) - A companhia American Airlines informou, neste sábado (22), que investiga o incidente, no qual um assistente de voo arranca brutalmente um carrinho de bebê das mãos de uma passageira, que levava uma criança nos braços.

À essa agressão seguiu-se uma briga com um outro passageiro que tentou defender a mulher com o filho.

Esse último confronto foi filmado por um terceiro passageiro. Postada no Facebook, a gravação viralizou on-line.

"Vimos o vídeo e abrimos uma investigação", afirmou a porta-voz da American Airlines, Leslie Scott, em um e-mail enviado à AFP sobre o episódio, ocorrido na sexta-feira, no momento de embarque de um voo São Francisco-Dallas.

"O que vemos no vídeo não reflete nossos valores, nem a maneira como cuidamos dos nossos clientes", acrescentou Scott.

O funcionário ficará suspenso enquanto durar a investigação, acrescentou a empresa.

"Sentimos profundamente a pena infringida a essa passageira e a sua família, assim como a qualquer outro passageiro afetado por esse incidente", completa o comunicado.

Esse incidente acontece menos de duas semanas depois de outro vídeo ter mostrado, nas redes sociais, um passageiro da United Airlines sendo retirado à força de seu assento e do avião por policiais em um voo Chicago-Louisville.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos