Premiê da Líbia e líder do leste do país se reúnem

Trípoli, 2 Mai 2017 (AFP) - O chefe do governo líbio de unidade nacional (GNA), Fayez al Sarraj, se reuniu nesta terça-feira em Abu Dhabi com seu adversário e homem forte do leste do país, Khalifa Haftar, informou a agência de notícias leal às autoridades do leste Líbia.

O marechal Haftar dirige as forças armadas das autoridades do leste, que não reconhecem o governo de unidade estabelecido em Trípoli e que tem o reconhecimento das Nações Unidas.

Trata-se do segundo encontro entre os dois, depois dos que tiveram em janeiro de 2016 pouco depois da designação de Sarraj à frente do GNA.

"O marechal Khalifa Haftar se reuniu nesta terça com Fayez al Sarraj em Abu Dhabi, graças à mediação internacional e árabe", indicou a agência.

Haftar aceitou o convite de realizar uma visita oficial aos Emirados Árabes.

Segundo a cadeia de televisão líbia "218", os dois adversários posaram ante os fotógrafos antes de se reunirem a portas fechadas.

Sarraj e Haftar deveriam se encontrar em meados de fevereiro no Cairo, por iniciativa do Egito, para tentar negociar emendas ao acordo político interlíbio assinado em dezembro de 2015 com apoio da ONU, e os termos em que o GNA foi criado.

Este acordo não previa qualquer papel para Haftar, cujas forças controlam uma grande parte do leste da Líbia.

Mas o controvertido marechal se impôs como um interlocutor inevitável ao se apoderar dos principais terminais petroleiros do país.

Depois do encontro frustrado no Cairo atribuído por Sarraj a Haftar, o chefe designado do GNA afirmou que uma "ocasião preciosa se perdeu na busca de um começo de solução para o estado de divisão e sofrimento dos líbios".

Desde sua entrada em função em Trípoli, em março de 2016, o GNA não conseguiu impor sua autoridade no conjunto do país.

Seis anos depois da revolta que pôs fim à ditadura de Muanmar Kadhafi, a Líbia segue mergulhada numa crise de corrupção interminável, vítima de uma insegurança persistente, com uma economia destruída e palco de rivalidades políticas inconciliáveis.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos