Cantor mexicano Luis Miguel é detido em Los Angeles

Los Angeles, 3 Mai 2017 (AFP) - O cantor mexicano Luis Miguel foi detido e posteriormente libertado nesta terça-feira sob fiança após não se apresentar - por diversas vezes - a um tribunal de Los Angeles para responder a uma ação civil, informou seu advogado.

O "Sol do México" se entregou às autoridades no centro de Los Angeles nesta terça-feira, após uma juíza federal emitir uma ordem de prisão em 17 de abril.

Pouco depois foi libertado "sob fiança pelo valor de um milhão de dólares", disse à AFP o advogado Kris Demirjian, acrescentando que o artista deverá se apresentar novamente aos tribunais no dia 11 de maio.

De fato, Luis Miguel não pagou o milhão de dólares de fiança, mas será cobrado desta quantia caso não compareça às próximas audiências em Los Angeles.

Um milhão de dólares é o valor pelo qual o ex-agente do cantor, William Brockhaus, está acionando Luis Miguel.

Brockhaus, que trabalhou para Luis Miguel entre 2013 e 2015, iniciou a ação em fevereiro de 2015, assegurando que ambos tinham um acordo verbal segundo o qual o agente recebia 10% dos ganhos do cantor, o que não foi honrado.

Ganhador de cinco prêmios Grammy e quatro Grammy Latino, Luis Miguel teve uma carreira fulgurante que começou há 12 anos com o álbum "1+1=2 enamorados".

bur-lm/llu/lr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos