Facebook contratará 3.000 pessoas para filtrar imagens violentas

San Francisco, 3 Mai 2017 (AFP) - O Facebook contratará 3.000 pessoas para filtrar os conteúdos violentos depois de ter sido utilizado para transmitir vários assassinatos e suicídios ao vivo, anunciou nesta quarta-feira Mark Zuckerberg, fundador e chefe da rede social com 2 bilhões de usuários.

"Para construir uma comunidade segura, temos de reagir rapidamente (...), responder rapidamente a alguém que precisa de ajuda ou eliminar uma publicação", escreveu Zuckerberg em sua página do Facebook.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos