Sobe para 36 o número de mortos nos protestos na Venezuela

Valência, Venezuela, 5 Mai 2017 (AFP) - Um homem de 22 anos morreu nesta sexta-feira depois de ter sido gravemente ferido nos distúrbios registrados na véspera na cidade venezuelana de Valencia (norte), informaram a prefeitura local e fontes médicas, o que eleva para 36 o número de mortos nos protestos na Venezuela.

Hecder Lugo Pérez morreu por causa de um ferimento a bala na cabeça.

Ao menos outras quatro pessoas ficaram feridas durante os choques entre manifestantes opositores e militares em Valencia, onde também ocorreram saques ao comércio.

A morte de Pérez aumenta para 36 o número de mortos dos protestos iniciados desde 1o. de abril para exigir eleições gerais e a saída antecipada do presidente Nicolás Maduro, a quem acusa pela grave crise política e conômica do país.

str-axm/mis/fj/cn

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos