Aviação do Egito bombardeia veículos com armas procedentes da Líbia

Cairo, 8 Mai 2017 (AFP) - A Força Aérea egípcia bombardeou e destruiu 15 veículos que transportavam armas e munições procedentes da Líbia - informou uma autoridade militar nesta segunda-feira (8).

Em uma nota, um porta-voz do Exército anunciou que as Forças Armadas haviam recebido "informação sobre um grande número de veículos estacionados na fronteira ocidental e dispostos a se infiltrar (no Egito)".

"Nossos aviões decolaram para vigiar a zona e entraram em ação assim que os veículos violaram a fronteira", acrescentou.

"A operação durou 48 horas entre a vigilância e os bombardeios. Quinze veículos 4x4 que transportavam armas, munições e produtos de contrabando foram destruídos", afirmou o porta-voz, sem se referir às perdas humanas.

Além disso, no sul do país, a Polícia matou oito "terroristas" pertencentes a grupos que planejavam atentados contra instituições públicas, segundo um comunicado do Ministério do Interior.

Os oito indivíduos morreram em uma troca de tiros com a Polícia "no deserto, no sul do país", indicou a mesma fonte.

Esses "elementos terroristas" faziam parte de pequenos grupos que planejavam ataques "contra instituições estatais, instalações do governo e cristãs, e contra personalidades públicas e policiais", indica o texto.

O Ministério acusou esses grupos de enviar seus membros para "campos de treinamento" no exterior, para que aprendam a "cometer ataques terroristas e a fabricar bombas" em seu retorno ao Egito.

Desde que o Exército derrubou o então presidente islâmico Mohamed Mursi em 2013, os atentados se multiplicaram no Egito - sobretudo, contra a Polícia e contra os militares no norte da Península do Sinai. Nessa região, instalou-se um braço local do grupo extremista Estado Islâmico (EI).

Nos últimos meses, as igrejas coptas também se tornaram alvo do EI.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos