Juncker quer ministro das Finanças e orçamento para zona do euro

Bruxelas, 9 Mai 2017 (AFP) - O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, se declarou favorável ao "princípio" de um ministro de Finanças e de um orçamento para a zona do euro, propostos pelo presidente francês eleito Emmanuel Macron, embora tenha dito que precisa "refletir primeiro" sobre o tema.

"Um ministro das Finanças europeu é um princípio que sou a favor", respondeu Juncker em um debate em Bruxelas.

Mas Juncker relevou: "Tem direito, ele e só ele submetido ao controle do Parlamento Europeu evidentemente, a mudar os orçamentos nacionais?".

"Um ministro central europeu pode interferir nas eleições orçamentárias dos Parlamentos nacionais?", se perguntou.

"O primeiro direito de um parlamento é votar e estabelecer um orçamento, de modo que se deve pensar duas vezes antes de se lançar como um desesperado nessa selva, que é muito perigosa", afirmou Juncker.

O chefe do executivo europeu afirmou que é "a favor de um orçamento da zona do euro".

"Porque acho que precisamos de um instrumento financeiro para poder resistir melhor aos choques assimétricos. Mas, em primeiro lugar, teria que estudar todas as ideias", explicou.

"Temos o costume de pensar primeiro e de prometer e fazer depois. E não ao contrário", completou. "Todos esses temas me interessam ao mais alto nível, mas precisamos saber o que se esconde por trás desses diferentes elementos de discurso", disse.

A criação de um orçamento e de "um posto de ministro de Economia e de Finanças" da zona do euro, "que terá a responsabilidade do orçamento", faz parte das principais propostas de Emmanuel Macron, que no domingo foi eleito presidente da França.

"Com o que o novo presidente da França nos propõe, estou de acordo, mas precisamos ver os detalhes", resumiu Juncker.

O presidente da Comissão Europeia rejeita, contudo, a ideia de um Parlamento próprio para a zona do euro, outra proposta de Macron, informou, por outro lado, a fonte europeia após o debate.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos