Trump adia decisão sobre Acordo de Paris até depois da cúpula do G7

Washington, 9 Mai 2017 (AFP) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, não anunciará a decisão de manter ou retirar o país do Acordo de Paris sobre as mudanças climáticas até depois da cúpula do G7, no final deste mês na Itália, informou a Casa Branca nesta terça-feira.

"O presidente esteve se reunindo com sua equipe por um bom tempo para tratar deste assunto, e ele não vai fazer um anúncio sobre o acordo até depois do seu retorno da reunião do G7", disse o porta-voz da Casa Branca, Sean Spicer.

A cúpula do G7 será realizada na cidade italiana de Taormina, em 26 e 27 de maio.

A Casa Branca tinha previsto para esta terça-feira uma reunião da equipe que assessora Trump sobre o Acordo de Paris, mas o encontro foi adiado, sem previsão de data.

De acordo com Spicer, Trump "deseja manter suas reuniões com sua equipe, tanto a equipe de desenvolvimento como a de economia, para tomar uma decisão sobre o melhor interesse dos Estados Unidos".

À espera da decisão do presidente, as delegações dos 196 signatários do Acordo de Paris continuam nesta terça-feira em Bonn, Alemanha, as discussões sobre a aplicação deste pacto contra o aquecimento do planeta.

Durante sua campanha eleitoral, Trump afirmou que retiraria os Estados Unidos do acordo, mas depois mandou sinais contraditórios sobre o assunto, que divide sua equipe.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos