Theresa May ouve críticas em raro encontro com eleitores

Londres, 15 Mai 2017 (AFP) - Um passeio da primeira-ministra britânica Theresa May por um mercado nesta segunda-feira acabou com críticas de uma eleitora aos cortes do governo conservador.

"Quero que devolvam minha pensão por deficiência", afirmou a mulher, que se apresentou como Cathy e disse que sofre "leves problemas de aprendizado".

"Os gatos gordos levam o dinheiro e nós não ficamos com nada", completou a mulher, em um episódio registrado pelas câmeras do Channel 5 no mercado de Abingdon, sul da Inglaterra.

"Não posso viver com 100 libras ao mês. Me tiraram tudo", lamentou. "Não tenho um cuidador, estou irritada", disse.

Um homem se dirigiu a May para afirmar que ela era "a melhor candidata de um grupo muito ruim", ao que a chefe de Governo respondeu que receberia como "um elogio".

A caminhada de May foi uma exceção em uma campanha muito controlada por sua equipe, o que rendeu acusações de que ela evita o contato com os eleitores, apesar de contar com uma vantagem de mais de 20 pontos nas pesquisas de intenção de voto.

A oposição aproveitou o episódio para atacar May. A primeira-ministra, escreveu no Twitter o líder da oposição, o trabalhista Jeremy Corbyn, "se vê confrontada ao sofrimento que seu governo provocou".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos