Atentado em terminal de ônibus em Jacarta mata três policiais

Jacarta, 24 Mai 2017 (AFP) - Um duplo ataque suicida foi cometido nesta quarta-feira em um terminal de ônibus na capital indonésia Jacarta, matando três policiais, anunciaram forças de segurança.

Vários policiais e civis ficaram feridos nas deflagrações, que ocorreram com um pequeno intervalo em uma rua próxima ao terminal.

Pouco antes das 21h00 locais (11h00 de Brasília), houve uma explosão. "Nós suspeitamos de um ataque suicida", declarou à emissora TVOne o diretor adjunto da polícia nacional, identificado apenas como Syafruddin.

Em seguida houve outra deflagração, acrescentou o chefe de polícia do leste de Jacarta, Andy Wibowo.

Imagens transmitidas pela televisão mostravam fumaça saindo do terminal, que foi isolado pela polícia, e muitos membros das forças de segurança evacuando as vítimas.

Fragmentos de corpos e vidros quebrados ficaram espalhados pelo chão.

Uma testemunha no local, Sultan Muhammad Firdaus, disse à emissora de televisão Kompas TV ter ouvido duas explosões num intervalo de cerca de 10 minutos.

A Indonésia iniciou sua própria "guerra contra o terrorismo" após os atentados de Bali em 2002 (202 mortos, incluindo muitos estrangeiros). Desde então, as autoridades, lançaram uma grande ofensiva contra os extremistas islâmicos e enfraqueceram as redes mais perigosos, segundo especialistas.

Mas o grupo Estado Islâmico conseguiu mobilizar recentemente os extremistas indonésios. Em janeiro de 2016, atentados suicidas e ataques armados em Jacarta mataram quatro civis. Os quatro atacantes foram mortos no ataque reivindicado por EI, o primeiro desta escala na Indonésia desde 2009.

dsa-sr/tm/ib/fjb/mr/mvv

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos