Irã e Turquia pedem "diálogo" entre Catar e vizinhos do Golfo

Teerã, 5 Jun 2017 (AFP) - Os governos do Irã e da Turquia defenderam nesta segunda-feira um diálogo entre o Catar e seus vizinhos do Golfo, depois que cinco países países anunciaram o fim das relações diplomáticas com o Catar.

"A solução às divergências entre Estados na região, incluindo o atual problema entre o Catar e seus três vizinho (Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos e Bahrein), só é possível com métodos políticos e pacíficos e com o diálogo entre as partes", afirmou o porta-voz do ministério iraniano das Relações Exteriores, Bahram Ghasemi.

Nesta segunda-feira, Emirados Árabes Unidos, Arábia Saudita, Bahrein, Egito e Iêmen anunciaram o rompimento das relações diplomáticas com o Catar, país que acusam de "apoiar o terrorismo".

A Turquia, que mantém relações estreitas com as monarquias do Golfo, também defendeu o diálogo e disse que está disposta a ajudar na questão.

"Podem existir problemas entre os países (...) mas é necessário que o diálogo continue", declarou o ministro das Relações Exteriores turco, Mevlut Cavusoglu.

"Certamente nós daremos todo o tipo de apoio para que a situação volte à normalidade", completou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos