Atentado suicida mata 20 pessoas em mercado no Iraque

Hilla, Iraque, 9 Jun 2017 (AFP) - Pelo menos 20 pessoas morreram nesta sexta-feira em um atentado suicida em um mercado de uma cidade ao sul de Bagdá, um ataque reivindicado pelo grupo extremista Estado Islâmico (EI).

"Um homem se explodiu em um mercado de Mussayeb, matando pelo menos 20 pessoas", indicou um porta-voz do ministério do Interior.

Pelo menos 34 pessoas ficaram feridas no mercado, localizado no centro desta cidade, cerca de 60 quilômetros ao sul de Bagdá.

O atentado ocorreu no final da manhã, algumas horas depois de um outro ataque, que aparentemente falhou, na cidade sagrada de Karbala, poucos quilômetros a sudoeste.

O EI, através de sua agência de propaganda Amaq, rapidamente assumiu a responsabilidade por esses dois ataques que visaram a comunidade xiita.

O grupo ultrarradical sunita assumiu a autoria da maioria dos ataques realizados no Iraque nos últimos meses, incluindo os três que fizeram mais de 40 mortos em 30 de maio em Bagdá e Hit (oeste).

Esses atos acontecem num momento em que os jihadistas perdem terreno, especialmente em sua fortaleza de Mossul (norte), onde as forças iraquianas continuam a avançar.

O período do Ramadã, mês do jejum do Islã, é muitas vezes marcado pelos atentados jihadistas contra locais públicos para fazer o maior número possível de vítimas.

str-sf/jmm/jri/mer/mr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos