Naufrágio na costa da Líbia deixa oito mortos e dezenas de desaparecidos

Garabulli, Líbia, 10 Jun 2017 (AFP) - Pelo menos oito migrantes morreram e dezenas desapareceram na costa da Líbia, no Mediterrâneo, quando tentavam chegar à Europa, informou neste sábado a guarda-costeira líbia.

"Esses oito corpos fazem parte de um total de 120 ou 130 passageiros que estavam a bordo da lancha", disse à AFP o responsável da guarda costeira da cidade de Garaulli, a 60 km a leste de Trípoli, o coronel Fathi al Rayani.

Os corpos estavam presos nas partes de um bote neumático desinflado, avistada a mas de 9 km da costa de Garabulli, segundo um jornalista da AFP que acompanhou a guarda até o local do naufrágio.

De acordo com o funcionário líbio este tipo de lancha pode transportar até 120 pessoas, o que indica que uma centena de desaparecidos pode ter se afogado, ou, na melhor das hipóteses, ter chegado nadando à praia.

O porta-voz da marinha líbia, o general Ayub Kacem, informou à AFP neste sábado que "patrulhas da guarda costeira de Zawia (a 45 km a oeste de Trípoli) interceptaram na sexta-feira cinco lanchas neumáticas e dois barcos de madeira com 750 migrantes clandestinos a bordo".

bur-rb/iw/gm/pa/cc

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos