EUA lideraram ataque aéreo contra islamitas na Somália

Washington, 11 Jun 2017 (AFP) - Os Estados Unidos lideraram neste domingo um ataque contra os islamitas somalis shebab, grupo ligado à Al-Qaeda, cerca de 300 km ao sudoeste da capital da Somália, Mogadíscio, de acordo com o Pentágono.

A operação ocorreu às 06h00 GMT (3h00 de Brasília), "em coordenação com os parceiros regionais, como uma resposta direta às ações dos shebabs, incluindo os recentes ataques contra as forças somalis", informou o Pentágono.

Em um comunicado, o Pentágono esclarece que a operação foi realizada dentro do marco legal, adotado em março pelo presidente Donald Trump, que permite que as forças dos Estados Unidos "deem seguimento a uma ação contra os shebabs em uma área geográfica definida em resposta a atividades hostis e em apoio aos parceiros somalis".

No início de maio, um soldado americano que liderava uma missão de aconselhamento e assistência ao Exército da Somália foi morto a tiros durante um confronto contra somalis islâmicos.

Foi o primeiro soldado americano morto em combate na Somália desde o sinistro "Black Hawk" de 3 de outubro de 1993, a batalha em que dois helicópteros americanos foram derrubados e 18 soldados foram mortos.

Desde 2013, as forças especiais americanas voltaram à Somália, num contingente de cerca de 50 homens, de acordo com o Pentágono.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos