Merkel disposta a debater propostas francesas de reforma da Eurozona

Berlim, 20 Jun 2017 (AFP) - A chanceler alemã Angela Merkel afirmou nesta terça-feira que está disposta a debater as ideias de reforma da zona do euro propostas pelo presidente francês Emmanuel Macron, que obteve uma grande vitória nas eleições legislativas.

Durante um discurso para empresários, Merkel disse que "a coesão europeia entre os Estados da zona do euro deixa a desejar".

Para resolver este problema é possível "naturalmente refletir sobre um ministro comum das Finanças", uma ideia de Macron, "em caso de circunstâncias adequadas".

Merkel disse que também se pode "muito bem imaginar (...) um governo econômico" responsável por estudar os métodos para promover o emprego na região.

A chanceler também estaria disposta a debater um orçamento para a zona do euro para financiar projetos de estrutura.

Durante sua campanha eleitoral, Emmanuel Macron defendeu uma reforma da Eurozona, essencial de acordo com ele para conter o avanço do populismo no bloco, e insistiu na ideia de um ministro das Finanças e de um orçamento para os países da zona do euro.

O movimento político de Macron, A República em Marcha (LREM), acaba de obter maioria absoluta nas eleições legislativas francesas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos