Dalí será exumado por processo sobre paternidade

Madri, 26 Jun 2017 (AFP) - Uma juíza de Madri ordenou a exumação dos restos do pintor espanhol Salvador Dalí, falecido há 28 anos, com o objetivo de determinar se o artista é o pai biológico de uma mulher da Catalunha, região onde ele nasceu.

"O juizado de Primeira Instância nº 11 de Madri ordenou a exumação do corpo do pintor Salvador Dalí, com o objetivo de obter amostras dos restos mortais para determinar se ele é pai biológico de uma mulher de Gerona", indica o serviço de comunicação do Tribunal Superior de Justiça de Madri.

Pilar Abel Martínez apresentou uma queixa para ser reconhecida como filha do célebre artista, que está enterrado em sua cidade natal de Figueras.

"O estudo do DNA do cprop do pintor é necessário ante a falta de outros restos biológicos ou pessoais com os quais realizar a comparação", afirmou a justiça.

A família Dalí pode recorrer desta decisão.

O artista catalão Salvador Dalí, uma das figuras mais destacadas do surrealismo, morreu aos 84 anos em 24 de janeiro de 1989 em um hospital de Figueras depois de uma vida intensa e agitada, alimentada por suas criações geniais e suas extravagâncias.

Rico e desesperado, viveu seus últimos sete anos recluso em seu castelo de Púbol, a poucos quilômetros de Gerona, rodeado de cuidadores e ajudantes.

Mudou para lá para não se separar de sua esposa Gala, que morreu em 1982 e está enterrada em uma cripta especialmente preparada para ela. Ao lado, havia outro túmulo para o artista, mas por fim foi enterrado em seu museu em Figueras, já que esse era seu desejo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos