Países do Golfo adiam por 48 horas seu ultimato ao Catar (comunicado)

Riade, 3 Jul 2017 (AFP) - A Arábia Saudita e seus aliados anunciaram na madrugada de segunda-feira que a pedido da mediação kuwaitiana na crise do Golfo decidiram prorrogar por 48 horas o ultimato estabelecido para que o Catar responda a uma lista de 13 solicitações.

Segundo um comunicado comum publicado pela agência oficial saudita Spa, a Arábia Saudita, os Emirados Árabes Unidos, Bahrein e Egito aceitaram estender o ultimato depois de que o Catar anunciou que entregará sua resposta na segunda-feira ao emir do Kuwait.

As exigências dos seus vizinhos incluem o fechamento do canal de televisão Al Jazeera e de uma base militar turca, assim como uma redução das suas relações com o Irã.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos