Venezuela vota para escolher integrantes da Assembleia Constituinte

Caracas, 30 Jul 2017 (AFP) - As urnas para a escolha dos membros de uma Assembleia Constituinte convocada pelo presidente venezuelano, Nicolás Maduro, abriram neste domingo às 6H00 locais (7H00 de Brasília).

O presidente foi o primeiro a votar em um centro eleitoral da zona oeste de Caracas. O pleito definirá os 545 integrantes da Assembleia.

"Fui o primeiro eleitor do país. Peço a Deus todas as bênçãos para que o povo possa exercer livremente seu direito democrático ao voto", disse Maduro.

O dia de votação será marcado por um ambiente de tensão, depois que a oposição, que não apresentou candidatos para a eleição, anunciou protestos em todo país contra a iniciativa.

As manifestações acontecem no contexto de uma mobilização iniciada no dia 1 de abril para exigir a saída de Maduro do poder. Até o momento, mais de 100 pessoas morreram e milhares ficaram feridas ou foram detidas.

Maduro propôs a Constituinte como via para solucionar a grave crise política do país, mas a oposição, que exige eleições gerais, considera a iniciativa uma "fraude" para tentar perpetuar o presidente no poder.

Os opositores têm maioria no Parlamento.

A eleição para a Assembleia Constituinte também é rejeitada pelos Estados Unidos e vários países da América Latina e Europa.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos