Várias cidades candidatas a receber agências da UE com sede em Londres afetadas pelo Brexit

Bruxelas, 1 Ago 2017 (AFP) - Dezenove cidades apresentaram candidatura para receber a Agência Europeia de Medicamentos (EMA), que deixará Londres em consequência do Brexit, assim como a Autoridade Bancária Europeia (EBA), que tem oito localidades pretendentes, anunciou o Conselho da União Europeia.

"O Conselho recebeu 27 propostas dos Estados membros, relacionadas com 23 cidades, para receber as agências europeias atualmente com sede no Reino Unido", afirma um comunicado da instituição que representa os países do bloco. As capitais da Bélgica, Irlanda, Áustria e Polônia desejam receber as duas agências.

Entre as candidatas para abrigar a EMA estão Barcelona, Amsterdã, Viena, Copenhague ou Bratislava.

A lista de candidatas se completa com Atenas, Bruxelas, Bucareste, Dublin, Helsinque, Sofia, Estocolmo, Malta, Varsóvia e Zagreb, além de Lille, Bonn, Milão e Porto.

Com menos pretendentes, a EBA conta com aspirantes de peso como a alemã Frankfurt, atual sede do Banco Central Europeu (BCE) e da Junta Europeia de Risco Sistêmico, ou París, que já abriga a Autoridade Europeia de Valores e Mercados.

Luxemburgo, sede do Banco Europeu de Investimentos, e Dublin também sonham com a EBA, assim como Bruxelas, Praga, Viena e Varsóvia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos