Quênia vota para presidente em clima de tensão

Nairóbi, 8 Ago 2017 (AFP) - Os quenianos comparecem às urnas nesta terça-feira para uma eleição presidencial, que promete uma disputa apertada entre o presidente Uhuru Kenyatta e o opositor Raila Odinga, em um clima de tensão e temores de violência.

A votação também designará governadores, deputados, senadores e representantes locais.

Levando em consideração a violência registrada em eleições anteriores, as autoridades organizaram um dispositivo de segurança sem precedentes, com 180.000 integrantes das forças de segurança em todo o território deste país do leste da África, que tem 48 milhões de habitantes.

A votação no Quênia muitas vezes é baseada em sentimentos de etnia.

Kenyatta (kikuyu) e Odinga (Luo) estabeleceram duas poderosas alianças eleitorais.

De acordo com as pesquisas, o resultado da eleição presidencial dependerá da capacidade dos dois campos para mobilizar os eleitores no dia da votação.

A eleição dos governadores de 47 condados, fruto de uma descentralização adotada em 2013, também pode provocar problemas localizados.

bur-fal/laf/ltl/fp

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos