Autoridades antilhanas falam de danos importantes causados pelo furacão Irma

Paris, 6 Set 2017 (AFP) - Os danos materiais causados pelo furacão Irma, que atravessou nesta quarta-feira as ilhas antilhanas de Saint Barths e Saint Martin, já são importantes, declarou Annick Girardin, ministra francesa de Ultramar.

A ministra mencionou telhados arrancados pela passagem do furacão de categoria 5, a mais elevada na escala de intensidade desses fenômenos.

Segundo o serviço de meteorologia francês, Météo France, o olho de Irma, de quase 50 quilômetros de diâmetro, permaneceu 1h30 em Saint Barths e depois chegou a Saint Martin.

Em um primeiro momento, Météo France registrou ventos de 244 km/h em Saint Barths, mas o organismo perdeu os instrumentos de medição na ilha, arrastados pelo furacão.

A ilha de Guadalupe permaneceu mais na periferia, mas registrou ventos de 100 km/h, fortes chuvas e condições do mar "muito perigosas".

Irma segue agora para Anguilla, Ilhas Virgens britânicas e a ponta leste de Porto Rico.

leb-jri/chr/lv/pa/ra/fp/cn

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos