Irma mata seis pessoas e devasta parte francesa de Saint Martin

Basse-Terre, 7 Set 2017 (AFP) - Ao menos "seis mortes" foram registradas na parte francesa da ilha de Saint Martin, que ficou quase totalmente destruída com a passagem do furacão Irma, informou nesta quarta-feira Eric Maire, prefeito do departamento francês de Guadalupe.

"A gendarmeria conseguiu sair apenas no meio da manhã, antes disto a força do vento não permitiu, não conseguimos, os bombeiros também não, para vistoriar toda a ilha", disse Maire, advertindo que o número de vítimas deve crescer.

Daniel Gibbs, presidente do Conselho Territorial, disse à Radio Caraïbes International que "95% da ilha foi destruída" por Irma.

"Não estamos seguros de nada (...), ainda fazemos uma avaliação, mas estou chocado, isto é alarmante", declarou Gibbs.

O presidente francês, Emmanuel Macron, advertiu para um resultado "duro e cruel" pela passagem do furacão.

O olho de Irma, de quase 50 km de diâmetro, permaneceu por cerca de uma hora e meia sobre a ilha francesa de Saint Barth, para depois se deslocar a Saint Martin, que está dividida entre uma zona francesa e outra holandesa.

Nas redes sociais, fotos e vídeos revelam a devastação nas ilhas, onde eletricidade e comunicações estão cortadas, barcos, destruídos, árvores e telhados foram arrancados e as ruas ficaram inundadas.

O mar "invadiu com extrema violência" o litoral, "submergindo de forma importante as partes baixas do litoral", segundo a agência meteorológica francesa Météo-France.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos