Conselho de Segurança da ONU 'condena firmemente' disparo norte-coreano

Nações Unidas, Estados Unidos, 15 Set 2017 (AFP) - O Conselho de Segurança das Nações Unidas condenou "firmemente" o último disparo de míssil efetuado pela Coreia do Norte, que sobrevoou o Japão, e o qualificou de "altamente provocador", em declaração adotada durante reunião de urgência feita a portas fechadas nesta sexta-feira (15).

Tratam-se de "atos escandalosos", considerou o Conselho, que pediu à Coreia do Norte que "pare imediatamente". "Estas ações não são apenas uma ameaça para a região, mas também para todos os Estados-membros da ONU", indica o texto, aprovado pelos 15 integrantes do organismo, incluindo o Japão, membro que não é permanente do Conselho.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos