Americanos vencem o Nobel de Medicina por pesquisas sobre o relógio biológico

Estocolmo, 2 Out 2017 (AFP) - O Prêmio Nobel de Medicina de 2017 foi atribuído nesta segunda-feira aos americanos Jeffrey C. Hall, Michael Rosbash e Michael W. Young por seus trabalhos sobre o relógio biológico do corpo.

Os três cientistas foram recompensados por suas "descobertas sobre os mecanismos moleculares que regulam o ritmo circadiano", que segue um ciclo de 24 horas e permite aos seres vivos adaptar-se aos diferentes momentos do dia e da noite, anunciou a Assembleia Nobel.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos