Pária é morto na Índia por presenciar dança hindu

Ahmedabad, Índia, 2 Out 2017 (AFP) - Um indiano membro da comunidade dalit (intocáveis) foi assassinado por um grupo de homens de castas superiores por ter assistido a um espetáculo tradicional de dança hindu, anunciou a polícia nesta segunda-feira (2).

Jayesh Solanki, de 21 anos, e o seu primo Prakash foram atacados no domingo à noite quando assistiram a um espetáculo de dança folclórica realizado durante o festival hindu de Navratri.

Social e economicamente marginalizada, a comunidade dalit é considerada inferior às castas definidas pelos textos hindus.

Os dalit historicamente exercem trabalhos humildes, considerados "impuros". Embora a Constituição indiana proíba discriminar alguém em função da sua casta, eles são vítimas da violência.

"Detivemos oito pessoas suspeitas de terem espancado até a morte Jayesh Solanki, em Borsad", no estado de Gujarat, contou à AFP o chefe da polícia local, Anand Saurabh Singh.

Segundo a polícia, o primo da vítima relatou que um dos suspeitos exigiu saber a razão de sua presença no espetáculo. Depois fez "insultos de casta", foi embora e voltou com outras sete pessoas para o local.

Os supostos agressores bateram em Prakash e, quando Jayesh tentou intervir, o empurraram "tão forte que a sua cabeça bateu contra a parede" e ele caiu no chão, informou a polícia, citando o testemunho do primo da vítima.

A vítima foi levada ao hospital, onde foi constatado o seu falecimento.

Os dalit se rebelaram no ano passado quando milicianos que se autoproclamavam 'defensores das vacas' agrediram quatro deles, acusando-os de matar um desses animais considerados sagrados pela cultura hindu.

Os quatro jovens foram amarrados junto a uma caminhonete, sem camisa, e receberam golpes de barras de ferro em público.

str-anb/cc/ev/ces/pa/age/bn/db

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos