Faculdade só para mulheres de Cambridge recebe transgêneros

Londres, 4 Out 2017 (AFP) - A Murray Edward College, uma das faculdades da Universidade de Cambridge exclusiva para mulheres, decidiu rever seu regulamento para autorizar a candidatura de estudantes transgênero.

"Para permanecermos fiéis à nossa missão, reconhecemos o direito de qualquer indivíduo que se identifique como mulher - seja qual for seu gênero de nascimento - a se candidatar a estudar na nossa universidade", declarou a presidente da Murray Edward College, Barbara Stocking, em um comunicado publicado na página institucional on-line.

Na nota, o estabelecimento disse apoiar "os estudantes que não desejam se definir como homem, ou como mulher".

A instituição explicou que levará em consideração os casos de estudantes "identificados como homens ao nascer e que tenham tomado medidas para viver como mulher, ou tenham sido legalmente reconhecidos como mulher".

Cada caso será objeto de um estudo personalizado baseado no "interesse da pessoa", acrescentou a Murray Edward College.

As candidaturas para a próxima seleção podem ser enviadas até 15 de outubro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos