Ao menos 14 civis mortos em bombardeios russos na Síria

Beirute, 6 Out 2017 (AFP) - Ao menos 14 civis, incluindo três crianças, morreram em bombardeios russos perto da cidade síria de Mayadin, sob controle do grupo extremista Estado Islâmico (EI), anunciou nesta sexta-feira a ONG Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

Os civis, que fugiam da violência, "atravessavam o rio em balsas precárias, em um vilarejo ao sul de Mayadin", na província de Deir Ezzor, indicou a ONG.

A aviação russa, em apoio a uma ofensiva das forças leais ao regime sírio contra o EI nesta província rica em petróleo, intensificaram os ataques aéreos nos últimos dias.

O diretor do OSDH, Rami Abdel Rahman, informou que os civis mortos na quinta-feira à noite fugiam de Mahkan, ao sul de Mayadin, um reduto do EI localizado 420 quilômetros ao nordeste de Damasco.

As forças pró-regime estão atualmente a cinco quilômetros desta cidade sob controle do EI desde 2014.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos