Estado de emergência por forte incêndio em região vinícola da Califórnia

Los Angeles, 9 Out 2017 (AFP) - O governador da Califórnia, Jerry Brown, declarou nesta segunda-feira estado de emergência por um devastador incêndio na região vitivinícola, que arrasou com 1.500 construções - incluindo casas e empresas - e obrigou a evacuação de 20.000 pessoas.

O decreto abarca três condados do centro da Califórnia - Napa, Sonoma e Yuba -, localizados ao norte da baía de San Francisco e da capital Sacramento, alimentados pelos incêndios de Tubbs e Atlas, que se estendem por mais de 20.000 hectares e "ameaçam milhares de lares e obrigam a evacuação de residentes".

Mas os incêndios se espalham por oito condados, incluindo estes e Mendocino, onde uma pessoa morreu e duas estão gravemente feridas.

A maioria dos incêndios começou na noite de domingo e segundo o chefe do Corpo de Bombeiros da Califórnia, Ken Pimlott, os ventos estão se reduzindo.

"Esperamos que isso diminua o avanço das chamas", disse a meios de comunicação, ao dar o balanço de 1.500 edifícios destruídos e 20.000 evacuados.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos