Rajoy volta a rejeitar ideia de uma mediação para crise catalã

Madri, 11 Out 2017 (AFP) - O chefe do governo espanhol, Mariano Rajoy, rejeitou nesta quarta-feira as numerosas ofertas de mediação para resolver a crise com os separatistas no poder na Catalunha.

"Não existe uma possível mediação entre a lei democrático e desobediência, a ilegalidade", resumiu o primeiro-ministro conservador em um discurso ante os deputados, um dia após a assinatura de uma declaração independência dos separatistas catalães.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos