Acordo na Síria para saída de civis de Raqa

Beirute, 14 Out 2017 (AFP) - Um comboio deve sair da cidade síria de Raqa neste sábado para retirar civis, anunciou a coalizão liderada pelos Estados Unidos, que está a ponto de assumir o controle da localidade, até agora dominada pelo grupo Estado Islâmico (EI).

A coalizão explicou que o acordo alcançado por autoridades locais tem como objetivo "minimizar as baixas civis" e que excluirá os combatentes estrangeiros do EI, mas não explicou se os jihadistas sírios poderão sair do comboio.

"As pessoas que abandonarem Raqa em virtude do acordo terão as identidades verificadas", afirma o texto.

A coalizão indicou mais cedo que quase 100 jihadistas se renderam nas últimas 24 horas, sem qualquer referência a sua nacionalidade.

As Forças Democráticas Sírias (FDS), uma aliança de combatentes curdos e árabes apoiada pela coalizão internacional, que conseguiu entrar em Raqa em junho, avançou progressivamente e controla 90% da cidade.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos