Forças Aéreas israelenses detroem bateria antiaérea síria

Jerusalém, 16 Out 2017 (AFP) - As Forças Aéreas israelenses atacaram e destruíram nesta segunda-feira (16) uma bateria de mísseis antiaéreos ao leste de Damasco em resposta a disparos dirigidos contra aviões de Israel que realizavam um voo "de rotina" no Líbano, indicou um porta-voz militar.

Os aviões não foram atingidos pelos disparos e conseguiram retornar a sua base sem inconvenientes, declarou o porta-voz, o coronel Jonathan Conricus.

A bateria síria foi "neutralizada", indicou.

O Exército sírio, citado pela televisão estatal, informou apenas danos materiais e assegurou ter atingido um avião israelense.

Ele advertiu para "as perigosas consequências das repetidas tentativas de agressão por Israel".

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, advertiu que seu país reagiria a qualquer ato hostil. O porta-voz do Exército enfatizou, no entanto, que seu país não buscava uma escalada.

"Esta é a primeira vez desde o início da guerra na Síria em 2011 que os sírios dispararam contra aeronaves israelenses que voavam sobre o Líbano", indicou o coronel Conricus.

"Nós consideramos o regime sírio responsável por este disparo antiaéreo e por qualquer ataque vindo da Síria", advertiu.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos