Atentado no Níger mata 12 gendarmes

Niamei, 21 Out 2017 (AFP) - Doze gendarmes morreram neste sábado (21) em um novo ataque no sudoeste do Níger, uma região instável na fronteira com o Mali, onde atuam vários grupos extremistas islâmicos.

"Houve um novo ataque. Foram mortos 12 gendarmes", declarou o ministro do Interior do Níger, Mohamed Bazoum, por telefone.

O ataque visou a gendarmeria Ayorou, 200 km a noroeste da capital Niamey, na região de Tillaberi, de acordo com uma fonte da segurança.

Os criminosos chegaram a bordo de cinco veículos e atacaram ao amanhecer. Antes da intervenção dos reforços militares, fugiram levando dois ou três veículos da gendarmeria.

"Operações de busca foram lançadas", disse o ministro do Interior.

Localizada nas margens do rio Níger, Ayorou abriga um importante mercado rural e era um importante local turístico graças à sua importante concentração de hipopótamos.

A região de Tillaberi tornou-se muito instável devido aos numerosos ataques sangrentos atribuídos a grupos jihadistas contra posições do exército e campos de refugiados.

Em 4 de outubro, quatro soldados americanos e quatro soldados locais foram mortos em uma emboscada na mesma região.

bh-pgf-de/jlb/gm/mr

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos