Honduras reclama de contaminação do mar pela Guatemala

Tegucigalpa, 23 Out 2017 (AFP) - A chancelaria hondurenha protestou nesta segunda-feira (23) ante a Guatemala pela contaminação gerada no fronteiriço Golfo de Honduras por dejetos provenientes desse país, ao qual pediu para "reparar o dano ambiental".

Em uma declaração, Tegucigalpa manifestou "sua preocupação pela alarmante contaminação do mar no Golfo de Honduras" causada por "dejetos sólidos provenientes de municípios localizados na bacia do rio Motagua", na fronteira comum.

O texto acrescentou que há três anos solicitou à Guatemala que remediasse a situação que prejudica a população hondurenha de distintos municípios, como o de Omoa.

Lamentou igualmente que "apesar das distintas manifestações ante o governo da Guatemala, não houve ações para solucionar o problema", pelo qual solicitou "realizar as ações pertinentes para reparar o dano ambiental".

As autoridades e vizinhos de Omoa vêm reclamando pelo acúmulo de grandes quantidades de lixo, como plásticos, que são arrastados pelas correntes da Guatemala ao litoral hondurenho.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos