Assembleia de Zulia invalida eleição de governador da oposição venezuelana

Caracas, 26 Out 2017 (AFP) - A Assembleia Legislativa do estado venezuelano de Zulia, dominada pelos governistas, declarou "vacante" nesta quinta-feira o cargo de governador, que havia sido conquistado por Juan Pablo Guanipa, opositor que se negou a prestar juramento à Constituinte chavista.

"Em sessão ordinária este Parlamento zuliano declara vacante o cargo de governador de Zulia para o período 2017-2021".

Os legisladores estaduais designaram Magdely Valbuena, presidente da Assembleia, como governadora interina.

Guanipa, um advogado de 52 anos, conquistou o governo de Zulia - o estado mais populoso do país - derrotando o chavista Francisco Arias, um militar de 66 anos que participou da tentativa de golpe liderada pelo ex-presidente Hugo Chávez.

A decisão ocorre após o fim do prazo concedido pela Constituinte para que os governadores eleitos no dia 15 de outubro - 18 chavistas e cinco da oposição - prestassem juramento ao órgão.

A Constituinte determinou nesta quinta-feira a repetição das eleições em Zulia, no mês de dezembro, mas sem precisar a data.

A lei estabelece que os governadores prestem juramento às respectivas Assembleias, mas o presidente Nicolás Maduro estabeleceu também a subordinação à Constituinte, não reconhecida pela oposição.

No Twitter, Guanipa qualificou a decisão da Assembleia de Zulia como um "golpe de Estado" e um "assalto à vontade do povo".

"Não precisamos nos submeter à humilhação de prestar juramento a uma indigna Constituinte", declarou Guanipa, membro do partido Primeiro Justiça, do ex-candidato presidencial Henrique Capriles.

A opositora Mesa da Unidade Democrática (MUD) - da qual faz parte o Primeiro Justiça - havia assegurado que seus cinco governadores eleitos não prestariam juramento à Constituinte, mas na segunda-feira passada quatro governadores da Ação Democrática (AD) se submeteram ao órgão.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos