Papa está angustiado por recentes atentados

Cidade do Vaticano, 1 Nov 2017 (AFP) - O papa Francisco afirmou nesta quarta-feira estar angustiado depois de uma série de atentados recentes no mundo, incluindo o de terça-feira em Nova York, no qual morreram oito pessoas, cinco delas argentinas.

"Estou angustiado com os ataques terroristas destes últimos dias na Somália, no Afeganistão e pelo de ontem, em Nova York", afirmou o Papa ante os fiéis durante a oração do Ângelus.

"Deploro estes atos de violência e rezo pelos falecidos, pelos feridos e por sua famílias", acrescentou Jorge Bergoglio.

Também pediu a Deus que "converta o coração dos terroristas e liberte o mundo do ódio e da loucura assassina que abusa do do nome de Deus para disseminar a morte".

Oito pessoas morreram na terça-feira depois de um homem jogar sua caminhonete contra ciclistas e pedestres em Nova York, em "um ato de terrorismo" em Manhattan, de acordo com o prefeito Bill de Blasio. Outras 11 pessoas ficaram gravemente feridas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos