Tribunal Supremo adia para dia 9 depoimentos de deputados independentistas catalães

Madri, 2 Nov 2017 (AFP) - O Tribunal Supremo da Espanha adiou em uma semana, para 9 de novembro, os depoimentos de seis ex-deputados catalães suspeitos de rebeldia e sedição por seu papel na proclamação da independência da Catalunha, anunciou nesta quinta-feira o tribunal.

A notícia foi divulgada quando os seis, integrantes do órgão reitor do Parlamento regional, estavam há mais de uma hora na sede do Supremo em Madri, a poucos metros da Audiência Nacional, onde prestavam depoimento integrantes do governo catalão destituído pelos mesmos delitos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos