Protestos contra prisão de governo provocam bloqueios de estradas na Catalunha

Barcelona, 3 Nov 2017 (AFP) - Grupos de manifestantes bloquearam várias estradas da Catalunha e uma linha de trem em protesto contra a prisão do governo separatista destituído, mas as ações não duraram muito.

O Serviço Catalão de Trânsito, o órgão do governo catalão encarregado do tráfico, anunciou em seu Twitter bloqueios em quatro estradas e, ao final de meia hora, que o protesto havia sido interrompido.

A Ferrovia da Generalitat, o serviço ferroviário catalão, informou, por sua parte, a ocupação das vias na estação de Sant Cugat, perto de Barcelona. Apesar dos atrasados, o serviço foi normalizado duas horas depois.

A prisão de nove membros do governo catalão deposto na quinta-fera deu início a uma semana de manifestações que concluirá com um grande protesto em 12 de novembro em Barcelona.

Os políticos presos são suspeitos de rebelião e traição em função da proclamação da independência da região em 27 de outubro, o que pode condená-los a trinta anos de prisão.

A justiça pode ditar nesta sexta uma ordem europeia de prisão contra o presidente regional deposto Carles Puigdemont e os quatro conselheiros que se encontram com ele atualmente na Bélgica.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos