Topo

UE: ordem de detenção de Puigdemont é assunto para autoridades judiciais

03/11/2017 10h22

Bruxelas, 3 Nov 2017 (AFP) - A Comissão Europeia considerou nesta sexta-feira que uma possível ordem de detenção contra o destituído presidente catalão Carles Puigdemont e a prisão de vários membros de seu governo competem "completamente" às autoridades judiciais.

"É um assunto completamente para as autoridades judiciais, cuja independência respeitamos plenamente", declarou a porta-voz da Comissão, Annika Breidthardt, ao ser questionada sobre a situação na Catalunha.