Topo

Presidente do Parlamento catalão chega ao Tribunal Supremo de Madri

09/11/2017 06h51

Madri, 9 Nov 2017 (AFP) - A presidente do Parlamento catalão, a independentista Carme Forcadell, chegou nesta quinta-feira ao Tribunal Supremo de Madri, convocada ao lado de outros cinco deputados regionais para prestar depoimento em uma investigação por "rebelião".

Forcadell, 58 anos, chegou ao tribunal às 9H00 (6H00 de Brasília) e não fez comentários. Ela foi recebida pelos gritos de dezenas de manifestantes a favor e contra a independência da Catalunha.

Ela e outros cinco integrantes da mesa diretora do Parlamento regional são objetos de uma ação do procurador-geral por rebelião, sedição e desvio de fundos para estabelecer uma estratégia com o objetivo de declarar a independência no Legislativo catalão.

O magistrado responsável pelo caso deverá decidir se adota medidas cautelares contra ela e os demais acusados, que poderiam incluir a prisão preventiva, como já aconteceu com oito membros do governo regional destituído.