Mais restos mortais de soldado americano são encontrados no Níger

Washington, 21 Nov 2017 (AFP) - Novos restos mortais do soldado americano que perdeu a a vida em uma emboscada no Níger no mês passado foram encontrados no país africano, anunciou o Pentágono nesta terça-feira (21).

A porta-voz do Pentágono Dana White disse que uma equipe militar conjunta de Estados Unidos e Comando da África descobriu, no dia 12 de novembro, restos mortais no local onde o corpo do sargento La David Johnson foi recuperado, após o ataque de 4 de outubro.

"Hoje, podemos confirmar que a Perícia Médica das Forças Armadas identificou positivamente que esses restos são do sargento Johnson", afirmou White em uma nota, sem dar detalhes adicionais.

Um oficial de Defesa disse à AFP mais tarde que os restos são "pequenos fragmentos ósseos".

Johnson foi um dos quatro soldados americanos e cinco militares nigerinos mortos numa emboscada à patrulha conjunta EUA-Níger, na vila de Tongo Tongo, perto da fronteira entre Níger e Mali.

Ele foi enterrado em 21 de outubro em Hollywood, na Flórida.

A patrulha de Johnson foi atacada por 50 combatentes locais, associados ao grupo Estado Islâmico.

Questionou-se muito por que a equipe de apoio levou várias horas para chegar à patrulha e por que o corpo de Johnson foi deixado para trás e só foi recuperado no dia seguinte.

Sua morte virou um assunto político quando uma deputada americana acusou Donald Trump de ser insensível durante uma ligação à viúva de Johnson, uma alegação reafirmada por ela e sua mãe, mas negada pelo presidente dos EUA.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos