Oposição em Honduras exige revisão de todas as atas eleitorais

Tegucigalpa, 5 dez 2017 (AFP) - O ex-presidente Manuel Zelaya, líder da oposição hondurenha, exigiu nesta terça-feira a revisão de todas as 18 mil atas das eleições de 26 de novembro, diante da possibilidade de fraude para favorecer a reeleição do presidente Juan Orlando Hernández.

Zelaya rejeita assim a proposta do Tribunal Supremo Eleitoral de revisar as 5.173 atas que a oposição apontava como adulteradas, ao considerar que a única maneira de se evitar a fraude é revendo a totalidade dos registros eleitorais sobre a recente votação.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos