Síria: forças de Assad avançam sobre extremistas em Idlib

Beirute, 30 dez 2017 (AFP) - As forças do regime sírio avançavam, neste sábado (30), na periferia da província de Idlib frente aos extremistas e aos rebeldes, tomando o controle de várias localidades no noroeste do país, onde os combates continuam - informou a agência oficial de notícias Sana.

Apoiadas pela Aviação russa, as tropas do regime realizam desde segunda-feira (25) uma operação na periferia de Idlib, a única que escapa completamente do controle do presidente Bashar al-Assad.

A província está dominada pela Frente Fateh al-Sham, ex-braço sírio da Al-Qaeda.

O objetivo é conquistar o sudeste dessa província, onde também estão presentes grupos rebeldes, para "assegurar" uma estrada que una Aleppo, a segunda cidade do país, a Damasco, a capital, segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

"As forças do regime continuam avançando, os combates continuam com violência. Há ataques aéreos do regime e da aviação russa e disparos da artilharia", disse à AFP o diretor do OSDH, Rami Abdel Rahman.

Desde quinta-feira, morreram nos confrontos 32 combatentes pró-governo, 29 do campo contrário e 21 civis, segundo um novo balanço do OSDH.

Por outro lado, pelo menos 14 civis morreram neste sábado -incluindo duas crianças e um enfermeiro- e 43 ficaram feridas em Guta Oriental, a grande maioria por bombardeios e disparos da artilharia do regime, segundo o OSDH.

Guta, situada a leste da capital, é o último bastião rebelde e há várias semanas está sendo intensamente bombardeada pelo governo.

tgg-ohk/cmk/sgf/pc/db/tt/cc

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos