Temer diz estar 'recuperadíssimo' após novo problema de saúde

Brasília, 4 Jan 2018 (AFP) - O presidente Michel Temer, de 77 anos, apareceu nesta quinta-feira (4) caminhando animadamente por sua residência oficial após sofrer uma infecção urinária e depois de ser operado três vezes em pouco mais de dois meses.

Pela manhã, um Temer mais magro do que o comum foi fotografado em sua caminhada matinal pela imprensa, que foi expressamente convocada ao Palácio do Jaburu, vestindo uma camiseta e calças esportivas.

Depois de alguns minutos andando em um bom ritmo pelos jardins disse estar "recuperadíssimo".

Assessores do governo informaram à AFP que o presidente pode ter que se submeter a novos controles médicos.

A saúde do chefe de Estado ganhou a atenção no início de outubro, quando durante um check-up foi detectada uma obstrução arterial coronariana.

Pouco depois, sofreu um problema urinário que o obrigou a ser internado de urgência em Brasília e a passar por uma intervenção, em um dia tenso no qual a Câmara dos Deputados arquivou uma denúncia penal por corrupção contra ele.

No fim de outubro, o presidente foi submetido a uma operação por uma hiperplasia (aumento) benigna na próstata no hospital Sírio-Libanês em São Paulo, e um mês mais tarde teve que colocar três stents para desobstruir suas artérias coronarianas.

Temer, que cancelou uma viagem à Ásia pelo tratamento médico, recentemente sofreu uma infecção urinária e teve que usar uma sonda.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos